A Polícia Civil apreendeu seis fuzis e quase 400 mil reais em dinheiro-vivo em um sítio em Novo Hamburgo

FONTE: O SUL
Durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão, em Novo Hamburgo (Vale do Sinos), a Polícia Civil gaúcha encontrou seis fuzis e 385 mil reais em dinheiro-vivo em um sítio no bairro Lomba Grande. O material estava com um homem de 40 anos, que acabou preso em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de arma-de-fogo de uso restrito.

O delegado Márcio Niederauer frisou que a ação decorreu de investigações com foco em uma quadrilha ligada que atua na região. “A movimentação no local vinha sendo monitorada há algum tempo, com a suspeita de que criminosos estariam utilizando a propriedade rural para receber drogas e armas”, relatou.

A quantia estava dentro do quarto do indivíduo preso, em uma casa no sítio. Eram maços de cédulas variadas, em sacos pretos e azuis. Ao vistoriarem as instalações, os agentes localizaram os fuzis (um deles o famoso AK-47, de fabricação russa), enterrados em uma espécie de galpão.

Mais prisões

Já o Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), em operação realizada no final da manhã dessa quinta-feira, retirou de circulação sete indivíduos na Lomba do Pinheiro, Zona Leste de Porto Alegre, cinco deles em flagrante e dois por mandado judicial. Com o grupo havia uma carga roubada, armas-de-fogo com a numeração raspada, munição, um carro roubado e outro clonado.

Após receberem informações de um sítio onde tudo estaria armazenado, na rua Adão Correa, os policiais fizeram uma operação de vigilância nas imediações do local. Nesse meio-tempo, foram informados do roubo de um lote de cigarros de um veículo empresarial de distribuição de produtos na rua Orfanatrófio (bairro Alto Petrópolis, na Zona Sul da Capital).

Quando os relógios já marcavam 11h, os agentes abordaram os ocupantes de um automóvel Fiat Doblô, do qual já se tinha notícia deste ter suas placas clonadas. O veículo era dirigido por uma mulher, transportando cigarros e latas de bebidas energéticas obtidas no assalto. Um Hyundai HB20 que vinha logo atrás também foi parado e detidos dois suspeitos que portavam um revólver de calibre 38 e numeração raspada.

Enquanto isso, no sítio permaneciam à espera um homem e uma mulher que seriam responsáveis por armazenar a carga roubada. Por fim, na casa de um dos criminosos, foi encontrado outro revólver 38 com a identificação retirada.

Além disso, foram presos outros dois comparsas do grupo criminoso contra os quais já havia mandados de prisão preventiva em razão de crimes semelhantes ao combatido. O grupo já era investigado pelo Deic em outros dez inquéritos. Após o reconhecimento pela vítima do roubo e feitos os procedimentos de praxe, o grupo foi encaminhado ao sistema prisional.

Desaparecidos

Também na manhã dessa quinta-feira, quando se celebrou o Dia Internacional das Crianças Desaparecidas, a Delegacia de Polícia para a Criança e o Adolescente Vítimas de Delitos realizou uma ação especial, destinada a localizar menores de idade desaparecidos em Porto Alegre.

Durante as diligências, 45 crianças e adolescentes foram reencontrados. Segundo a delegada Sabrina Doris Teixeira, foram averiguadas aproximadamente oitenta ocorrências policiais desse tipo: “É importante que os responsáveis compareçam a qualquer Delegacia de Polícia para regularizar o sistema”. A corporação não informou os nomes da gurizada e nem as circunstâncias do sumiço ou como foram achadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.