Ajuda para quem precisa’, diz doador de sangue durante o carnaval no Amapá.

FONTE G1//Enquanto muitos aproveitam o período de carnaval para curtir a folia, o carpinteiro José Maria Pantoja, de 53 anos, resolveu fazer um ato de amor ao próximo. Ele doou sangue nesta segunda-feira (12), no Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap).

“Doar sangue é doar a vida. Eu colaboro porque acho que é uma boa ajuda para quem precisa. Eu vi na televisão o chamado e vim contribuir. Já sou doador há mais de um ano e isso tem mudado muito na minha vida. Isso é muito importante”, explicou.

O período de carnaval é considerado um dos mais críticos de arrecadação de sangue devido ao feriadão e as festas que levam as pessoas consumirem álcool e também a viajarem. O Hemoap realiza campanha de convocação de doadores para não ficar na “zona vermelha”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.