Hospital Centenário afasta três servidores suspeitos de negligência em atendimento de morte por meningite

FONTE: O SUL
Três servidores envolvidos no atendimento de uma menina de dois anos que morreu por meningite B no Hospital Centenário, em São Leopoldo, foram afastados nesta terça-feira (9) da instituição. A criança deu entrada na madrugada de 12 de março e morreu na manhã do mesmo dia no local.
Uma médica pediatra, um enfermeiro e uma técnica de enfermagem faziam plantão na emergência pediátrica e ficarão afastados até o processo administrativo disciplinar ser concluído. São Leopoldo teve registro de duas mortes por meningite em menos de um mês. Além da menina de dois anos, outra adolescente, de 14 anos, foi vítima da doença. Ao longo de 2018, ocorreram ao menos 82 casos, com 11 óbitos entre eles. Em 2019, oito casos já foram confirmados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.