O Grêmio goleou o Santos por 5 a 1 pelo Campeonato Brasileiro

FONTE O SUL//O Grêmio goleou o Santos por 5 a 1 neste domingo (6) em partida válida pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Tricolor ocupa a 5ª posição na tabela de classificação da competição nacional, com 7 pontos. Os gols foram marcados por Maicon, duas vezes, Everton, André e Arthur. O gol de honra do Santos foi assinalado por Jean Mota. O jogo aconteceu na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

O primeiro tempo foi marcado por muitas faltas. Apesar disso, foi o time comandado por Renato Potaluppi quem assumiu o controle e se manteve superior. Aos 30 minutos, Maicon recebeu na intermediária e arriscou de longe; mandou no ângulo esquerdo de Vanderlei, marcando um golaço.

A resposta do Peixe foi rápida, que empatou, aos 32 minutos, com Jean Mota. Nos acréscimos, aos 46, com uma jogada bem trabalhada, a bola chegou a Everton, que dominou, cortou a marcação e mandou no canto direito do arqueiro santista, colocando o Grêmio novamente na frente no marcador.

A segunda etapa seguiu no mesmo ritmo. Logo aos 9 minutos, em cobrança de falta, Maicon mandou de perna direita, por sobre a barreira, no canto direito de Vanderlei, sem nenhuma chance de defesa, assinando o terceiro gol. Aos 24 minutos, Ramiro fez um cruzamento para André no primeiro poste. Luan, mais a frente, devolveu a bola para o centroavante que mandou para o fundo das redes.

Aos 34, Arthur recebeu na meia lua, cortou pra perna direita e finalizou com tranquilidade, mandando direto no canto esquerdo de Vanderlei.

Por ter recebido cartão amarelo, Ramiro está fora do Grenal do próximo sábado (12). O próximo desafio do Tricolor é o jogo de volta contra o Goiás, nesta quarta-feira (9), pela Copa do Brasil, em Porto Alegre, às 19h30min. A primeira partida foi vencida pelos gaúchos por 2 a 0.

Ficha técnica

Grêmio: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez (Marcelo Oliveira); Maicon, Arthur, Ramiro, Luan e Everton; André (Jael). Técnico: Renato Portaluppi.

Santos: Vanderlei, Daniel Guedes, David Braz, Lucas Veríssimo, Dodô; Alison; Léo Cittadini (Copete), Eduardo Sasha, Jean Mota e Rodrygo (Victor Bueno); Gabigol (Arthur Gomes). Técnico: Jair Ventura.

Arbitragem: Pericles Bassols Pegado Cortez, auxiliado por Cleberson do Nascimento Leite e Marcelino Castro de Nazare.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.