Prefeitura de Parobé investiga possível contaminação do solo em terreno.

FONTE CORREIO DO POVO//A Secretaria de Meio Ambiente de Parobé investiga a possível contaminação do solo de um terreno dentro da Vila Olímpica, espaço para atividade física no bairro Paraíso. O local está interditado após denúncia sobre descarte irregular de resíduos. A Patrulha Ambiental (Patram) da Brigada Militar também apura o caso e interditou o espaço. Conforme a corporação, foi encontrada uma quantidade de resíduos industriais equivalente a três caçambas de caminhão, além de materiais de construção civil e outros sintéticos, como plástico e borracha.

Segundo informações da Patram, o suspeito teria admitido que enterrou, na semana passada, resíduos no parque. No ano passado, ele foi autuado por não ter licenciamento para operações de reciclagem. A ação será encaminhada ao Ministério Público estadual, e o responsável pelo descarte deverá responder por crime ambiental.

Em nota, a Prefeitura de Parobé informa que, por meio de seus agentes fiscais e do corpo técnico da Secretaria de Meio Ambiente, está apurando o caso para responsabilizar os culpados. Diz que estão sendo coletados laudos e provas técnicas. Segundo a nota, a administração deve retirar, nos próximos dias, o material depositado irregularmente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.