Turistas ampliaram estadia na praia durante o Carnaval, aponta Sindicato.

FONTE CORREIO DO POVO//O feriadão de carnaval foi estendido para muitos veranistas que seguiram em direção ao Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Pelo menos é o que avalia o Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da região. De acordo com a presidente da entidade, Ivone Ferraz, os turistas ficaram entre sete e dez dias na praia, emendando com o período de descanso durante as festas. A movimentação, no entanto, não sofreu alterações em relação ao ano de 2017.

A busca por hotéis se dá devido à queda no aluguel de imóveis, afirma a líder da entidade que representa o setor de hospedagem. Ivone Ferraz cita fatores econômicos e a segurança como determinantes para essa mudança de situação. “Esse dinheiro saiu do mercado e ficou na hotelaria”, pontuou.

A entidade aponta dados da Embratur para dizer que aproximadamente 500 mil argentinos aproveitaram a temporada em praias do Litoral Norte gaúcho e da região Sul de Santa Catarina. “Para nós, isso foi muito bom, muito vantajoso”, destacou Ivone Ferraz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *