Aglomerações são dissolvidas em oito locais de Porto Alegre durante a madruada

FONTE: O SUL

Durante fiscalização do cumprimento das normas sanitárias previstas em decreto de prevenção ao coronavírus, agentes da prefeitura de Porto Alegre e do governo gaúcho desfizeram aglomerações de pessoas em pelo menos oito locais da cidade. As infrações foram registradas entre a noite de sábado e a madrugada de domingo (30).

Dentre os alvos da equipe estiveram pontos de encontro da boemia que costumam aparecer com frequência no noticiário: a última quadra da rua Fernando Machado (Centro Histórico), Rua da República, Lima e Silva (Cidade Baixa) e Padre Chagas (Moinhos de Vento).

Ainda no Moinhos, houve dispersão de aglomeração em uma das esquinas da Luciana de Abreu e em frente a um bar no número 34 da Padre Chagas. Na Marquês do Herval nº 215, o proprietário de uma casa noturna foi autuado por não cumprir a diretriz de distanciamento mínimo entre os clientes e permitir lotação acima do limite.

Também foi realizada fiscalização preventiva em marinas da região da Ilha das Flores e Ilha dos Marinheiros. Nesta última, a falta do alvará de localização e de funcionamento resultou na autuação do estabelecimento Quintal da Ilha, na rua João Inácio da Silveira.

Denúncias

A operação integrada contou com a participação da Guarda Municipal, Brigada Militar (BM), Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Turismo (SMDET). Denúncias de desrespeito às medidas de combate ao coronavírus podem ser feitas pelos telefones 153 ou 156.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.