China critica “arrogância” da OMS por querer investigar origem da Covid-19

FONTE: CORREIO DO POVO

A China rejeitou nesta quinta-feira a proposta da Organização Mundial da Saúde (OMS) de auditar os laboratórios chineses como parte de uma investigação mais ampla sobre as origens da pandemia de Covid-19, alegando que a ideia é “arrogante”. Esta proposta é “desrespeitosa ao bom senso e arrogante para com a ciência”, declarou o vice-ministro da Saúde da China, Zeng Yixin, a repórteres, antes de destacar que estava “extremamente surpreso”.

Na semana passada, o diretor geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, propôs fazer “controles dos laboratórios ou estabelecimentos de pesquisa ativos na região onde foram identificados os primeiros casos (de Covid-19) em dezembro de 2019”, uma referência à cidade chinesa de Wuhan, o epicentro da pandemia que abala o mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.