Homem é condenado a 26 anos por matar a mãe com golpes de barra de ferro em Viamão

FONTE: O SUL

Um homem foi condenado a 26 anos de prisão por matar a mãe a golpes de barro de ferroem Tribunal de Júri realizado na terça-feira (6). O crime aconteceu em 2017, em Viamão, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

A Defensoria Pública do RS, que fez a defesa do condenado, informa que “segue acompanhando o réu visando a garantir os direitos da ampla defesa e do contraditório, e somente se manifestará nos autos do processo”.

Márcio Ribeiro Barbosa, de 35 anos, foi sentenciado por homicídio quadruplamente qualificado. Entre as qualificadoras, a Justiça apontou o motivo torpe, já que o crime foi motivado por sentimento de rancor e ódio devido ao fato de não ter sido criado pela mãe, segundo a acusação.

Em razão do assassinato ter sido cometido em ambiente doméstico e familiar, os jurados também reconheceram o crime de feminicídio. Foram aplicadas as qualificadoras de crueldade e recurso que dificultou a defesa da vítima.

A defesa do réu chegou a pedir a instauração de um incidente de insanidade mental. Os peritos, no entanto, consideraram que o homem tinha capacidade de discernimento. A perícia ainda diagnosticou o homem como portador de transtorno de personalidade dissocial, diz o Ministério Público.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.