Incêndio na boate Kiss completa 100 meses e famílias organizam programação especial no Rio Grande do Sul

FONTE: O SUL

O incêndio da Boate Kiss completou 100 meses nesta quinta-feira (27). A tragédia causou a morte de 242 pessoas e feriu outras 630, em 27 de janeiro de 2013, em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul.

Para marcar a data e prestar homenagens, a AVTSM (Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria), em parceria com o coletivo Kiss: Que Não Se Repita, lançam a campanha “100 Meses Sem Justiça”.

Voluntários irão soltar balões em um ato simbólico, em frente à Boate Kiss, nesta quinta-feira. O evento será transmitido ao vivo, a partir das 11h30, pelas redes sociais. A ação vai respeitar os protocolos de prevenção ao contágio pelo coronavírus, informaram os organizadores.

A programação segue até o dia 1º de dezembro, data do júri dos quatro réus pela tragédia, em Porto Alegre. Nos próximos meses, também serão realizados bate-papos ao vivo com mães, pais, sobreviventes da tragédia e técnicos que irão analisar todos os aspectos envolvendo o incêndio.

A programação ainda inclui o lançamento de um documentário que reconta a tragédia e fala sobre o papel dos responsáveis. Ainda estão previstos atos em Porto Alegre, mas que não tiveram datas divulgadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.