Médico de Rio Grande é condenado a pena no semiaberto por abuso sexual de pacientes

FONTE: G1.COM/RS

Um médico de 68 anos foi preso nesta terça-feira (3) em Rio Grande, na Região Sul do estado. Ele foi condenado pela prática de abuso sexual de pacientes. Dalmo Batista Soares deverá cumprir a pena de quatro anos e três meses em regime semiaberto. As informações foram repassadas pela Polícia Civil.

Três pacientes denunciaram os abusos. Dois casos foram em 2006 e em 2013 no consultório particular. Um outro, foi em 2016, no Hospital Universitário da Universidade Federal do Rio Grande (Furg). No boletim de ocorrência, a paciente relatou que chegou com fortes dores abdominais, foi quando o médico teria feito o exame de toque e tentado beijar a paciente.

O mandado de prisão foi expedido pela Justiça na quinta-feira (28), mas foi cumprido pela Polícia Civil nesta terça. O médico foi detido no consultório, no Centro da cidade, e encaminhado à Penitenciária Estadual de Rio Grande.

O G1 entrou em contato com a defesa do médico, e aguarda um posicionamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.