Operação desarticula facção que expulsava moradores de condomínio para esconder investigados em Canoas

FONTE: O SUL
Depois de três meses de investigações, a Polícia Civil deflagrou, nesta manhã (31), uma operação para prender os membros de uma facção suspeita de ser responsável por diversos homicídios na região metropolitana de Porto Alegre. O grupo teria expulsado moradores de um condomínio financiado pelo programa Minha Casa Minha Vida no bairro Guajuviras, em Canoas, para esconder os investigados dos crimes. Segundo a polícia, pelo menos sete pessoas tiveram os apartamentos usados pela facção.

Estão sendo cumpridos nove mandados de prisão temporária e 12 mandados de busca e apreensão em Canoas. Até o momento, seis pessoas foram presas na ação. Em breve, serão divulgadas mais informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.