Prefeitura de Novo Hamburgo avalia o impacto da pandemia na aprendizagem de alunos da rede municipal

FONTE: O SUL

Preocupada com possíveis problemas de aprendizagem por causa da suspensão de aulas presenciais em decorrência da pandemia, a prefeita de Novo Hamburgo, Fátima Daudt (PSDB), validou, em conjunto com a Secretaria Municipal de Educação, a realização de uma ampla avaliação na rede municipal de ensino a partir desta segunda-feira (14).

A ideia é fazer um diagnóstico para entender como o período de mais de um ano sem aulas presenciais impactou os mais de 15 mil estudantes das 52 escolas sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Educação.

“Nosso objetivo é identificar o déficit de aprendizagem dos alunos em língua portuguesa e matemática e, posteriormente, executar ações pedagógicas para recuperar esse conhecimento que deveria ter sido assimilado no período. Queremos que essas dificuldades sejam sanadas para que os estudantes possam seguir o ano letivo e continuar aprendendo”, afirmou a prefeita.

As provas serão aplicadas entre 14 e 24 de junho, presencial ou remotamente, para os alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental da rede municipal. Trata-se de uma parceria com o projeto Aprova Brasil. O objetivo é acompanhar o desenvolvimento dos estudantes e analisar o grau de domínio das habilidades consideradas essenciais para cada ano escolar.

Em Novo Hamburgo, as aulas presenciais foram retomadas em 10 de maio, de acordo com o plano de contingência de cada instituição escolar, aprovado pelo Centro de Operações de Emergência Municipal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.