Supermercados e Ceasa ainda têm maioria dos produtos, mas situação preocupa para os próximos dias no RS

FONTE G1//A paralisação dos caminhoneiros afeta o abastecimento de alimentos no Rio Grande do Sul, mas de acordo com a Associação Gaúcha de Supermercados (Agas) e as Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Sul (Ceasa-RS), a maioria dos produtos ainda está à venda. A situação é preocupante para os próximos dias. No interior, frigoríficos estão liberando funcionários e cancelando abates.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.