Técnico de canoagem é preso por estupro de vulnerável em Guaíba

FONTE: O SUL

Suspeito de estupro de vulnerável, um técnico de canoagem, de 31 anos, foi preso temporariamente na manhã desta segunda-feira (28) pela Polícia Civil em Guaíba, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

A vítima, então com 11 anos na época, era aluna do suspeito. Ele encontra-se inclusive suspenso por dez anos pelo COB (Comitê de Ética do Comitê Olímpico Brasileiro). A operação Corte Olímpico foi deflagrada ao amanhecer pela equipe da DP de Eldorado do Sul.

A investigação apontou que o técnico de canoagem era diretor esportivo de uma associação e, com 25 anos na ocasião, manteve relações sexuais com aluna que praticava o esporte em Eldorado do Sul. Ele foi o treinador da vítima por quase quatro anos.

A ação teve apoio da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana. Houve o cumprimento de ordem judicial de busca e apreensão e de prisão temporária. Um telefone celular, três discos rígidos externos e um notebook foram recolhidos para análise.

O trabalho investigativo terá prosseguimento. Os policiais civis querem descobrir, por exemplo, os locais onde ocorriam os encontros e se existia a conivência por parte de outros adultos responsáveis pela criança. Não é descartado que o indivíduo tenha mantido relações com outras alunas crianças, o que será apurado pelos agentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.